Sou taça de cristal lançada ao mar | 2004



Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Intimamente ligada à destruição da casa dos meus pais, no Recife, esta obra representa para mim um momento de ruptura e consequente de transformação. Os copos e taças, colecionados ao longo de 20 anos, foram quebrados durante a montagem da exposição, na presença exclusiva do curador e cinegrafista

  • cristal e vidro
  • dimensões variáveis
  • EXPOSIÇÕES: “Memórias heterogêneas”, Castelinho do Flamengo, Rio de Janeiro, Brasil

Fotografia: Wilton Montenegro